OS TEMPOS QUE CORREM. Miguel Vale de Almeida


20.11.04  

Em rede.

Estão disponíveis aqui os resultados do estudo "Sociedade em Rede em Portugal", coordenado por Gustavo Cardoso e António Firmino da Costa (CIES/ISCTE), que será publicado em 2005. Uma tresleitura confirma muitas suspeitas: os utilizadores da Net são sobretudo jovens, do litoral, academicamente qualificados, activos, com rendimento acima da média. (Dados curiosos: 60% só acedeu à Net depois de 1998 e a maioria passa em média 6h30 por semana a navegar. Curiosamente, só 1,5% diz usar a Net para procurar informação sobre homossexualidade e 10% para procurar porn; 80% acreditam em deus...)

Os dados são assustadores e promissores ao mesmo tempo. Assustadores porque confirmam a noção de uma desigualdade de classes e idade entre nós; promissores porque estas pessoas - potencialmente mais informadas e potencialmente capazes de funcionar em rede - são/serão a elite.

mva | 17:07|